• 41 99235-9570 / 41 99235-9540
  • 41 3324-3235
Clique aqui e
confira nossas oportunidades

Brasil lidera ranking de compras online com quase 90%

As compras online estão cada vez mais caindo no gosto do consumidor globalmente. Nesse sentido, os brasileiros se mostram grandes entusiastas neste setor.

Estudo realizado pelo IDC e encomendado pela Infobip, plataforma global de comunicação omnichannel, mostra que em média 82% das pessoas na América Latina compraram on-line desde o início da pandemia. O Brasil lidera o ranking, tendo 88% das pessoas comprando on-line atualmente. Entre os produtos mais adquiridos em 2020 estão:

  • 74,7%: moda, vestuário e calçados
  • 57,6%: alimentos e supermercados
  • 57,2%: eletrônicos e eletrodomésticos
  • 47,1%: cosméticos e perfumaria
  • 42,5%: farmácia e remédios
  • 37%: móveis e decoração
  • 13,4%: material de construção

Para o gerente de Pesquisas e Consultoria Empresarial do IDC, Luciano Ramos, o comércio varejista está vivendo em uma nova era de hábitos de compra.

E, este novo cenário, exigem respostas em tempo real, com interações mais contextuais e personalizadas que afetam as escolhas e a fidelidade dos clientes.

Inclusive, é justamente por isso que comunicação e suporte estão fazendo uma grande diferença na experiência do cliente.

Por que os consumidores voltam a fazer compras online?

A maior parte dos entrevistados (65%) afirma que voltou a fazer compras on-line devido a boa experiência, como navegação rápida e facilidade de uso. Além disso, o rastreamento de pedidos e a disponibilidade de produtos também são apontados como fatores relevantes.

Segundo a pesquisa, na percepção dos clientes, as melhorias estão relacionadas à usabilidade dos canais digitais e ao monitoramento de suas compras.

Leia também: Armazéns logísticos e a entrega mais rápida no e-commerce

Canal de comunicação e venda eficiente

O WhatsApp se consolidou como uma ferramenta de relacionamento com os clientes. Isso porque, os consumidores preferem os canais de comunicação mais populares e com os que estão mais familiarizados.

  • 42% dos varejistas utilizam o whatsapp para comunicar ofertas e sugestões de compra personalizadas
  • 53% dos usuários recebem informações sobre o status de sua compra no aplicativo.

Aumento na frequência de compras on-line

De acordo com o estudo, 28% das pessoas vão aumentar para 2 ou 3 vezes a frequência de suas compras on-line em comparação com a atualidade. Ou seja, mais de 1/4 das compras on-line são feitas em aplicativos de loja específicos ou lojas virtuais.  No entanto, apenas 13% usam as redes sociais para suas compras.

Projeta-se também que os clientes vão gastar 25% a mais em empresas que investiram em processos de transformação digital e, se adaptaram rapidamente ao novo contexto dos negócios.

Nós da DCL Real Estate acompanhamos constantemente as mudanças que fazem
diferença na experiência de compra do consumidor. Quando se diz respeito a um atendimento rápido, personalizado e com rapidez na entrega, vivemos em um momento cada vez mais exigente e competitivo.

 

Comentários

comentários

Fique por dentro das nossas oportunidades.

Cadastre-se e receba nossas newsletters.