• 41 99235-9570 / 41 99235-9540
  • 41 3324-3235
Clique aqui e
confira nossas oportunidades
produtividade

Produtividade: diferencial competitivo e satisfação dos clientes

Entre os vários impactos que a pandemia da COVID-19 trouxe estão aqueles sobre os indicadores relacionados ao trabalho. Temos um olhar atento aos fatores que influenciam os negócios e o nosso time, e a produtividade é um dos pilares da DCL Real Estate.

Afinal, ela define a agilidade, a eficiência dos serviços prestados e representa valor agregado ao que fazemos. Isso porque, mais do que ser rápido, ser produtivo é maximizar a capacidade de realização utilizando o mínimo dos recursos necessários.

Produtividade no Brasil

Apesar da queda das horas efetivamente trabalhadas em razão das medidas para combater a pandemia, no cenário brasileiro em 2020, de acordo com os dados do Observatório da Produtividade Regis Bonelli do FGV IBRE, houve uma elevação da produtividade.

Na métrica que considera a produtividade por pessoal ocupado, houve um aumento de 8,2%; além disso, a que destaca a hora habitualmente trabalhada aumentou 8,5%. Ao considerar as horas efetivamente trabalhadas, o crescimento foi de 10,1%. A comparação foi feita com o quarto trimestre de 2019.

Ademais, é interessante observar que a pandemia teve efeitos diferentes em setores e grupos de trabalhadores. Sendo assim, as áreas menos produtivas da economia, que exigem mais contato presencial, como transporte e construção, foram mais afetadas do que as mais produtivas, como serviços de informação, mercado financeiro e setor imobiliário.

A previsão é que, com o controle da COVID-19 e a consequente normalização do cenário, os índices relacionados à produtividade voltem a ficar mais baixos.

Leia também: Plano Nacional de Logística 2035 traça o futuro do sistema de transportes no Brasil

Como melhorar esse aspecto no trabalho?

Existem várias ferramentas e metodologias que ajudam a melhorar o dia a dia no trabalho, aumentando a produtividade. Pode-se dizer que ela está mais conectada ao planejamento do que à execução literal do trabalho. Então, é preciso organizar as atividades, ordenar de acordo com a prioridade e ter disciplina para cumprir o que foi estabelecido.

Com uma visão voltada para este foco fica muito mais fácil aprimorar a rotina, já que as estratégias adotadas ficam mais claras e o processo mais estruturado. Além disso, dicas práticas ajudam muito, e compartilhamos algumas:

• Organizar as atividades diárias em uma lista.
• Para entrar no ritmo do trabalho, começar pelas tarefas mais simples e rápidas.
• Dividir um grande objetivo em pequenas tarefas. Isso ajuda a manter a motivação e a realizar as atividades com mais eficiência.
• Se for impossível dar conta de todas as demandas, priorizar o que é mais urgente e importante.

Para contribuir com a produtividade das equipes, é importante que o gestor saiba:

• Explicar com clareza a tarefa e seus objetivos ou metas.
• Definir prazos para cada ação.
• Delegar as atividades e responsabilidades.
• Investir na comunicação.
• Ouvir os colaboradores e dar espaço para o compartilhamento de ideias.
• Acompanhar os indicadores de produtividade.
• Dar feedback continuamente.
• Revisar os processos frequentemente.

Entre as principais vantagens de ser produtivo ou ter uma equipe produtiva estão aumento na agilidade e na eficiência, economia de recursos, redução dos custos, diferencial competitivo e clientes mais satisfeitos.

Por fim, quais estratégias você utiliza na sua empresa para ser mais produtivo ou para sua equipe ser mais produtiva? Compartilhe sua experiência aqui nos comentários e vamos trocar ideias sobre o assunto!

Comentários

comentários

Fique por dentro das nossas oportunidades.

Cadastre-se e receba nossas newsletters.